Kickoff! Will start to Premier League

Campeonato Inglês

O melhor campeonato nacional vai ter seu início. A Premier League vem prometendo para esta temporada, com Manchester United e Chelsea como grandes favoritos, com Arsenal tentando entrar no meio da briga, com Liverpool tentando se reorganizar com Roy Hodgson, o Manchester City apostando alto com sua grana e com a volta do poderoso Newcastle. Começamos falando dos atuais campeões.

Chelsea

O Chelsea vem pouco mexido em relação a temporada passada. Os Blues só deram uma pequena renovada em seu meio-campo. Michael Ballack e Deco, que não são mais garotos, deixaram a equipe. Ambos estão de volta aos seus países natal. O primeiro jogará a Bundesliga pelo Bayer Leverkusen, o segundo jogará o Brasileirão pelo Fluminense, clube onde também jogará o lateral/volante Belletti, que também estava no Chelsea. Joe Cole não fez uma de suas grandes temporadas, e por isso, após o termino de seu contrato, ele acabou deixando o clube e acertando com o Liverpool. Quem também deixou a equipe foi o português Ricardo Carvalho. Ele irá trabalhar com o compatriota José Mourinho, no Real Madrid. Falando nos Reds, de lá veio Yossi Benayoun, contratação que sinceramente, não me agradou muito. Do Twente, veio o garoto sérvio Slobodan Rajkovic. Porém, a melhor contratação é um jogador brasileiro. Ramires agradou os dirigentes londrinos com seu bom futebol no Benfica, e por que não na Copa, onde nos poucos jogos que fez foi muito bem? O brazuka chega para formar uma baita dupla de volantes com Essien. E pensar que esse cara até dia desses estava jogando no Joinville, aqui em Santa Catarina. Me lembro dele jogando a Copa Santa Catarina, agora jogará o Campeonato Inglês. Baita evolução. Eu espero um Chelsea do mesmo jeito do ano passado. Talvés não com aquele tanto de gols que fez na temporada anterior, mas jogando ofensivamente e vencendo jogos sim, eu espero.

Meu time do Chelsea: Cech; Ivanovic, Terry, Alex e Cole; Essien, Ramires e Lampard; Anelka, Malouda e Drogba

Quem Chega: Rajkovic (Twente), Benayoun (Liverpool), Ramires (Benfica)
Quem Sai: Belletti e Deco (Fluminense), Ballack (Bayer Leverkusen), Joe Cole (Liverpool), Stoch (Fenerbahçe), Bertrand (Nottingham Forest), Ricardo Carvalho (Real Madrid), Sinclair (Swansea), Kalas (Sigma), Taylor (Crewe), Cork (Burnley)
Objetivo: Ser bi-campeão inglês
Primeiro Adversário: O “time iô-iô” do West Bromwich
Principal Jogador: Drogba
Aposta: O estouro de Dani Sturridge
Treinador: Carlo Ancelotti

Manchester United

O Manchester United quer voltar a ter sua hegemonia. Após o tri-campeonato, vieram em seguida a saída de Cristiano Ronaldo e a perda da Premier League pro Chelsea. Mas para tentar bater os Blues, os Red Devils se mexeram pouco. O goleiro Ben Foster foi respirar novos ares em Birmingham e substituirá Joe Hart no Birmingham City. Duas apostas deixaram o clube. Tosic foi vendido ao CSKA Moscow e Mame Diouf foi emprestado do Blackburn. A vinda de mais destaque foi do mexicano Chicharito Hernandéz. Aposta interessante, dificilmente clubes ingleses apostam em jogadores latino-americanos. Há muita badalação em cima do garoto, mas o pouco que o vi jogar me dão a impressão de que a badalação faz sentido. O desconhecido Bebê, de 20 anos veio do Vitória de Guimarães. O United apostou em muitos garotos e de 20 anos, vem Chris Smalling, bom zagueiro, que estava no Fulham. Alex Ferguson tem um bom time em mãos e a julgar a também a pouco mexida equipe do Chelsea, o Manchester é um dos grades favoritos aos título com a equipe de Londres, mas entre essas duas equipes é dificil dizer quem é melhor.

Meu time do Man. Utd: Van der Sar; Rafael, Ferdinand, Vidic e Evrá; Carrick, Fletcher e Scholes; Giggs (Valencia), Nani e Rooney

Quem Chega: Smalling (Fulham), Hernandez (Chivas Guadalajara), Bebê (Vitória de Guimarães)
Quem Sai: Foster (Birmingham), Tosic (CSKA Moscow), Heaton e Drinkwater (Cardiff), Gray e James (Preston), Catchcart (Blackpool), Diouf (Blackburn)
Objetivo: Desbancar o Chelsea e voltar ao posto de campeão inglês
Primeiro Adversário: Duelo contra o tradicional Newcastle
Principal Jogador: Wayne Rooney
Aposta: Javier “Chicharito” Hernandez
Treinador: Alex Ferguson

Arsenal

É mais uma temporada onde os garotos do Arsenal tentarão se reencaixar no grupo dos “Super Gigantes”. E para essa temporada, os Gunners contam como principal reforço o marroquino Marouane Chamakh, que defendia o Girondins de Bordeaux. Belo reforço, ainda mais porque Robin Van Persie vive machucado e talvés até seja uma melhor opção pelos lados ou até como um meia. Para reforçar a zaga, chega Koscielny, bom zagueiro que estava no Lorient. O Arsenal tenta repetir a temporada passada, onde apostou no desconhecido Vermaelen e se deu bem. Quem também chega é o garoto brasileiro Wellington Silva, que estava no Fluminense, porém, acho que ele só deverá jogar nas copas. Nessa janela, o Arsenal se livrou de “algumas tralhas”. Eduardo da Silva, que pouco fez, só ganhou o consolo do mundo inteiro devido a sua grave lesão, mas não fará falta. O meu chará se transferiu pro Shakhtar. O brasileiro Pedro Botelho voltou a ser emprestado, dessa vez pro Cartagena. Os veteranos Silvestre e Gallas tiveram seus contratos encerrados e por enquanto estão sem clube. Senderos foi para o Fulham. A perda que fará falta é o promissor Fran Mérida, que queria jogar em seu país natal e por seu clube de coração e acabou se transferindo pro Atlético de Madrid. Sol Campbell se transferiu pro Newcastle. Arsene Wenger terá o mesmo trabalho das outras temporadas. Não montar simplesmente “um bom time, que joga bonito e encanta a todos”, mas fazer com que esses garotos se tornem vencedores e decisivos.

Meu time do Arsenal: Almunia; Sagna, Vermaelen, Koscielny e Clichy; Denilson, Song e Fábregas; Van Persie, Arshavin e Chamakh

Quem Chega: Wellington Silva (Fluminense), Chamakh (Bordeaux), Koscielny (Lorient)
Quem Sai: Mérida (Atlético de Madrid), Pedro Botelho (Cartagena), Eduardo (Shakhtar Donetsk), Campbell (Newcastle), Gilbert, Silvestre e Gallas (Sem clube), Coquelin (Lorient), Senderos (Fulham), Watt (Leeds United)
Objetivo: Surpreender e chegar ao título
Primeiro Adversário: Clássico contra o Liverpool em Anfield
Principal Jogador: Fábregas
Aposta: No amadurecimento de Carlos Vela
Treinador: Arsene Wenger

Liverpool

Após uma temporada muito ruim, o Liverpool tenta se reconstruir nessa nova temporada e para isso, sai Rafael Benítez e chega Roy Hodgson, treinador vice-campeão da Europa League com o Fulham. Dos jogadores que deixaram a equipe, “duas tralhas” foram embora. Riera foi pro Olympiakos e Degen pro Stuttgart, mas ambos não vão deixar falta alguma. Benayoun virou a casaca e se transferiu pro Chelsea. Mascherano está próximo de deixar a equipe. A principal contratação dos Reds veio do Chelsea, Joe Cole, belo reforço. Contratado desde o início do ano, Jovanovic se juntou a equipe agora e jogará essa temporada pelo Liverpool. Poulsen, que estava na Juventus chega também, mas dessa contratação eu não gostei. Poulsen é o famoso “butinudu” ou “Mascherano sem grife”, não gosto dos dois. Wilson, ex-Rangers e Shelvey, ex-Charlton também chegam para reforçar a equipe. Não sei muito o que esperar do Liverpool. A sua “espinha dorsal” nem sempre está em campo. Gerrard não anda jogando o que pode e Fernando Torres vive no estaleiro. Roy Hodgson pode ter papel importante. Ele fez o time do Fulham chegar a final da Liga Europa e quem sabe possa fazer esse time do Liverpool jogar sem Gerrard e Torres.

Meu time do Liverpool: Reina; Johnson, Carragher, Agger e Fábio Aurélio; Lucas, Gerrard, Aquilani e Maxi Rodriguez; Kuyt e Torres

Quem Chega: Danny Wilson (Rangers), Cole (Chelsea), Németh (AEK), Shelvey (Charlton), Jovanovic (Standard Liège), Itandje (Kavala), Simon (Córdoba), Poulsen (Juventus)
Quem Sai: Mihailov (Twente), Riera (Olympiacos), Martin (Dons), Threlfall (Bradford), Benayoun (Chelsea), Degen (Stuttgart)
Objetivo: Voltar a Champions League
Primeiro Adversário: Clássico em casa contra o Arsenal
Principal Jogador: Steven Gerrard
Aposta: Pacheco, que se destacou pela Espanha na Euro Sub 19
Treinador: Roy Hodgson

Manchester City

Querendo entrar no bloco dos grandes ingleses, o Manchester City investiu alto e aposta em uma vaga na Champions League. Do futebol espanhol, vieram dois jogadores: David Silva (Valencia) e Yaya Touré (Barcelona), da Alemanha, Jerome Boateng (Hamburgo) e do futebol italiano, Kolarov (Lazio). Os brasileiros Jô e Robinho estão de volta de empréstimo, mas ou serão reservas ou negociados, assim como o equatoriano Caicedo. Essa é mais de última hora, Balotelli foi contratado. Para desinchar um pouco o elenco, muita gente saiu. Mwarwari e Sylvinho estão sem clube, Bojinov retornou ao Parma, Petrov foi pro Bolton, Garrido pra Lazio e por aí vai. O técnico Roberto Mancini não vai poder reclamar de falta de jogadores. Tem em suas mãos, um time de grande qualidade que para mim, estará brigando com Liverpool, Arsenal e Tottenham pelo posto de “3º time inglês”, o City deu uma boa ajeitada em seu elenco.

Meu time do Manchester City: Given; Richards, K. Touré, Kompany e Kolarov; Barry, Vieira, Y. Touré e David Silva; Tévez e Adebayor

Quem Chega:  Kolarov (Roma), Yaya Touré (Barcelona), David Silva (Valencia), Boateng (Hamburgo), Caicedo (Málaga), Jô (Galatasaray), Robinho (Santos), Balotelli (Internazionale)
Quem Sai: Bojinov (Parma), Petrov (Bolton), Mwarwari e Sylvinho (Sem Clube), Marshall (Walsall), Garrido (Lazio), Clayton (Leeds), Ball (Swindon), Onuoha (Sunderland), Tutte (Rochdale)
Objetivo: Chegar a Champions League
Primeiro Adversário: Provável confronto de seis pontos com o Tottenham, jogo de abertura da temporada
Principal Jogador: Tévez
Aposta: O alemão polivalente, Jerome Boateng
Treinador: Roberto Mancini

Tottenham Hotspur

O Tottenham não quer pegar o bonde e saltar no meio do caminho, para isso, quer se consolidar como uma potência inglesa e voltar a Liga dos Campeões. Para isso, a equipe pouco se mexeu. O único reforço mesmo é o volante do Internacional, Sandro. Giovani dos Santos volta de empréstimo, mas não sei se será essa a temporada que ele explodirá. Em compensação, ninguém do time principal deixou a equipe, somente jogadores que pouco jogavam. Harry Redknapp tem a seu favor o mantimento da base do Tottenham. Tem um time bom e que perdeu aquela fama de “grande contra os pequenos e pequeno contra os grandes”. Pode não ter ganho todos os jogos contra os grandes, mas deu muito trabalho e deverá ser assim de novo esta temporada. Um time entrosado, a base não foi mexida e o competente treinador permanece, a sequencia de trabalho pode dar resultado.

Meu time do Tottenham: Gomes; Hutton, Dawson, King e Corluka; Palacios, Huddlestone, Lennon e Bale; Pavlyuchenko e Defoe

Quem chega: Dos Santos (Galatasarsay), Sandro (Internacional)
Quem sai: Gudjohnsen (Mônaco), Walker (Karriereende), Cox (Barnet), Dervite (Villarreal), Taarabt (QPR), Janson (Northampton, Button (Plymouth), Bostock (Hull)
Objetivo: Se consolidar como time forte, continuando a disputar a Liga dos Campeões
Primeiro Adversário: Manchester City, na abertura do Campeonato Inglês
Principal Jogador: Gareth Bale (É mais por opinião, o Tottenham tem mais conjunto e poucos destaques individuais)
Aposta: Rose
Treinador: Harry Redknapp

Outros Destaques

*O Stoke City se reforçou com o bom atacante Jones, que estava no Sunderland

*O Wolverhampton permaneceu na “primeirona” e trouxe os bons Hunt, ex-Hull e Fletcher, ex-Burnley. Ambos haviam sido rebaixados com seus times anteriores

*Além de Sol Campbell, o Newcastle trouxe o garoto Dan Gosling, que estava no Everton e fez história no clube por um gol contra o Liverpool, numa prorrogação de FA Cup

*Para substituir Smalling, o Fulham tirou do Arsenal, Senderos, porém, perdeu Nevland pro Viking FK

*Não custa lembrar, Martin O’Neill pediu o boné e não treina mais o Aston Villa

*Pra não passar o sufoco da temporada passada, o West Ham trouxe Piquionne, que se destacou no Portsmouth, o volante da seleção alemã, Hitzlsperger, que estava na Lazio, Barrera do Pumas e o rodado Ben Haim, ex-Chelsea e Manchester City, ele estava junto com Piquionne no Pompey. Em compensação, Ilan, que foi decisivo na temporada passada, não teve seu contrato renovado

*O Everton trouxe Mucha, bom goleiro, que jogou a Copa pela Eslovênia e ainda trouxe Jermaine Beckford, artilheiro pelo Leeds United

*O Sunderland vai receber por empréstimo dos Manchester’s City e United Onuoha e Welbeck respectivamente. O Galatasaray tirou do Sunderland Lorik Cana

*O Birmingham trouxe pro lugar de Hart, o goleiro Ben Foster. O grandão Zigic também foi contratado

Primeira rodada

Sábado

8h45 
Tottenham x Manchester City – White Hart Lane

11h
Aston Villa x West Ham – Villa Park
Blackburn x Everton – Ewood Park
Bolton x Fulham – Reebok Stadium
Sunderland x Birmingham – Stadium Of Light
Wigan x Blackpool – DW Stadium
Wolverhampton x Stoke – Molineux

13h30

Chelsea x West Brom – Stanford Bridge

Domingo

12h 
Liverpool x Arsenal – Anfield

Segunda-Feira

16h 
Manchester United x Newcastle – Old Trafford

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s