Atlético de Madrid é super-campeão europeu

Que Inter, que nada. São os Colchoneros (Foto: Getty Images)

O última campeão da Uefa Europa League é o super campeão europeu. O Atlético de Madrid não se importou pela Internazionale ser atual campeã da Champions League e carimbou a faixa dos Nerazzurri. O jogo de certa forma decepcionou, já que muitos esperavam um jogo melhor tecnicamente, mas foi o típico “jogo de início de temporada”.

Forlán já teve dias melhores (EFE)

No jogo que abriu a temporada européia, as duas equipes tinham brasileiros em campo. Na Inter, Júlio César, Lúcio e Maicon estavam na partida, já o Atlético tinha o luso-brasileiro Paulo Assunção, porém, não tinha Filipe Luís, que não foi relacionado. O primeiro tempo foi fraco. Poucas chances de gol. Ambas as equipes arriscavam alguns chutes de fora da área, mas a bola alta era a principal fonte de jogadas, só que as boas jogadas foram lances isolados. Eto’o e Agüero criaram essas oportunidades. O camaronês cortou da esquerda para o meio e bateu, a bola foi para a direita de De Gea. O argentino invadiu a área, mas acabou finalizando para fora. O primeiro tempo ficou devendo muito, e para a etapa final, só a esperança de um jogo melhor.

Aí fera! Essa não deu (AFP)

A segunda etapa começou melhor. A Inter foi mais para o ataque, mas bem marcado e também pouco inspirado, Sneijder não ajudou e os rápidos contra-ataques colchoneros encomodavam. Reyes precisou de duas chances para marcar. Na primeira, Júlio César fez um milagre, na segunda não deu. O espanhol tabelou com Agüero e tocou na contrapé do goleiro brasileiro. A Inter era dominada em campo. O Atlético criava pouco, mais nos chutes de fora da área, mas a sua maioria ia em cima de Júlio César. Já com Philipe Coutinho em campo, a Inter viu a derrota ser concretizada. Simão fez bom lance pela esquerda e tocou para Agüero completar em gol. A Inter teve nos pés de Milito a chance de voltar ao jogo, mas o argentino perdeu um pênalti, cujo foi defendido por De Gea.

Com todos os méritos, o Atlético de Madrid conquista a Supercopa da Uefa e carimba a faixa de campeão da Champions League da Inter. O time espanhol jogou melhor, pareceu realmente querer ganhar essa competição. Parabéns aos Colchoneros

Festa em Madrid (Marca)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s