Falando a mesma língua: A língua do gol

 

Cavani e Ronaldo meteram três gols

Edinson Cavani, uruguaio, atacante do Napoli e Cristiano Ronaldo, português, atacante do Real Madrid falam sim a mesma língua. Vocês pode imaginar que por um ser uruguaio e por outro jogar na Espanha, ambos podem se comunicar num pelo menos arranhado espanhol. Mas não é essa língua que estou falando e sim uma língua futebolística, a língua do gol.

Tanto Napoli quanto Real Madrid tinham jogos decisivos e complicados em suas ligas, mas ambos os jogadores, mostrando o porque de serem tão decisivos e importantes para suas equipes, mostraram esse linguajar tão refinado, os gols, ambos tiveram o famoso hat-trick.

Edinson Cavani é o "Careca" da vez (Reuters)

O Napoli tinha um jogo muito importante contra a Juventus – jogo que ficou ainda mais importante com o tropeço do Milan, que ficou no 4×4 com a Udinese – e precisava vencer a Juventus para encostar na ponta e o faro de gol de Edinson Cavani estava mais apurado que nunca. Ele fez três gols de cabeça, aproveitando assistências de Maggio, Dossena e Hamsik. O hat-trick do atacante uruguaio coloca o Napoli na vice-liderança com 36 pontos, quatro atrás do Milan e na briga pelo título.

Que bela estreia, Luca Toni! Com fama de artilheiro, o veterano atacante é ofuscado pelo garoto uruguaio.

Sobre o Cavani, só vou fazer um comentário totalmente inútil com o repertório levantado. Se tem um atacante sulamericano que tem um nome forte na Itália, seu nome é Diego Milito, que é argentino. Nunca fui um dos grandes fãs de Milito. Acho ele um atacante muito bom, oportunista, com bom controle de bola e faro de gol apurado, mas acho Higuaín melhor que ele – coisa que durante a Copa do Mundo ouvi o contrário constantemente -. Mas como já levantei a bola, finalizarei sobre esse tema falando que para mim, o Cavani é mais completo que Milito. É técnico, rápido, inteligente, fazedor de gols e decisivo, assim descrevo Cavani.

Esses camisas 7 sempre fazendo história no Real Madrid (AP)

Agora, na Espanha, o Real Madrid precisava vencer caso quisesse continuar colado no Barcelona, mas tinha um jogo duríssimo, recebia a boa equipe do Villarreal no Santiago Bernabéu. Os Merengues se viram duas vezes atrás do marcador, mas o português Cristiano Ronaldo – aquele que cujo alguns ‘jornalistas’ brasileiros diziam que não joga nada, que é só marketing – empatou duas vezes e ainda virou o marcador para 3×2 – nesse gol da virada, o português tirou vantagem de posição irregular -. Ronaldo ainda teve participação no gol de Kaká, ao dar assistência pro brasileiro e completar a peleja em 4×2.

Mas desde a chegada de José Mourinho ao Real Madrid, você encontra poucas vitórias complicadas dos Merengues que o treinador não se envolva em uma confusãozinha. Quem viu o terceiro gol do Real, percebe que ao Mourinho ser focalizado, ele aponta o dedo pra alguém no banco adversário e após o 4º gol, ele foi comemorar o gol com a torcida do Madrid atrás do banco do Villarreal, que obviamente perdeu a compostura. Cani, por exemplo, arremessou uma garrafa no português.

O Marca flagrou a hora do arremesso

As rodadas em pequenos tópicos:

>>CALCIO: O Milan tropeçou em casa. Chegou a estar perdendo por 3×1 e 4×3 para a Udinese, mas alcançou o empate, 4×4. Alexandre Pato fez dois gols e Antonio Cassano entrou bem, com duas assistências. Os Rossoneros permanecem na ponta, mas com a vantagem menor.

>>A vantagem do Milan só não é menor porque a Lazio conseguiu o feito de perder pro Lecce – time que está na zona de rebaixamento – em casa por 2×1.

>>A Roma também deu bobeira e com péssima atuação de Juan, caiu diante da Sampdoria, 2×1.

>>Leonardo conquistou sua segunda vitória no comando da Inter: 2×1 pra cima do Catania.

>>Começamos a ter ideia de quem deve cair. O Bari é uma dessas equipes. Os Biancorossos perderam em casa pro Bologna – 2×0 – e se afundam na lanterna com 14 pontos, cinco atrás do Cesena – primeiro time fora da zona de rebaixamento.

>>LA LIGA: O Barcelona meteu 4×0 no Deportivo La Coruña e permanece firme na ponta da tabela, com 49 pontos

>>O Valencia venceu o clássico da cidade de Valência contra o Levante, 1×0 e a distância pro primeiro time fora do G4 agora é de 3 pontos.

>>Enquanto Getafe e Athletic ficaram nos empates – 0x0 com o Osasuna e 1×1 com o Málaga respectivamente -, o Mallorca venceu e vai crescendo na briga por uma vaguinha na Europa League. A Ensaimada Mecânica venceu o Almería por 4×0 e ficam na 8ª colocação, com 27 pontos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s