Renovação eficaz

Desde 2006, a palavra mais vezes dita envolvendo a Seleção Brasileira é “renovação”. Mas de todos esses anos, a palavra foi só dita mesmo, porque foi pouco aplicada. Não à toa, na ausência de Paulo Henrique Ganso, o técnico do Brasil, Mano Menezes, se viu obrigado a ressucitar Ronaldinho Gaúcho para a equipe ter um pouco de cadência no meio-campo. Isso pode ter acontecido por falta de peças ou por puro e simples medo de ver as derrotas e não saber compreender que derrotas fazem parte do processo de amadurecimento de um jovem elenco.

Mas o fato é que já fazem mais de 5 anos que a Copa de 2006 acabou e a renovação da Seleção Brasileira tem sido muito lenta. O contrário deve ser dito da França.

França se renovando após vexame em terras africanas (AFP)

O time que entrou em campo na última terça feira para pegar a Bósnia no decisivo jogo que valia vaga direta na Eurocopa tinha média de idade de 26,4 anos de idade. Não chega a ser uma média muito baixa, mas alta não é!

A França deverá levar basicamente o time que enfrentou a Bósnia para a Eurocopa – mais Benzema e Ribéry – e daí não custará lembrar que a média de idade da Seleção Brasileira na Copa América e nos amistosos seguintes foi de quase 28 anos.

Tá certo que na boa atuação do Brasil contra o México a média de idade era mais baixa, mas isso acontece com mais de um ano de um novo trabalho.

Enquanto isso, Laurent Blanc já está na Seleção Francesa praticamente na mesma quantidade de tempo de Mano Menezes e já está com mais de 15 jogos sem derrota. A última vez que a França terminou o 2º tempo atrás no marcador foi no dia 3 de setembro de 2010, quando perdeu em casa para a Bielorrússia por 1×0. De lá para cá, foram 17 jogos (9 da Euro e 8 amistosos) com 12 vitórias e 5 empates.

É um claro sinal de que a renovação está sendo feita e está sendo bem feita, o que é um ótimo sinal. Mas quem viu os últimos jogos dos Bleus ficou com a sensação de que faltava algo. O time ciscava, ciscava e ciscava mas não conseguia criar. Há quem defende a tese de que “a França sente falta de Zidane e desde que ele saiu, o time virou um nada”. Não é pra tanto. É claro que Zizou foi um mestre, mas se formos levar por esse lado, só a Argentina com Messi não sente falta de nada no mundo inteiro.

Para este blogueiro, faltava uma referência. Não uma referência no ataque, o famoso centro-avante, mas sim uma referência dentro de campo, um cara que botasse a bola debaixo do braço e mostrasse quem mandava no time. O jogo contra a Bósnia mostrou isso muito bem. Os Bleus começaram sendo pressionados e mal passavam de seu campo defensivo. Ou seja, ali já faltava um cara um pouquinho mais cerebral, que recuasse um pouco pra desafogar o time. Na etapa final, já com o 0-1 contra, a França foi pro ataque e contou com o precipitado recuo bósnio para aumentar sua força ofensiva, mas com o citado acima, “cisca, cisca, cisca” e nada. Até que num erro do zagueiro Spahic, o suspiro de “responsabilidade” apareceu. Nasri brigou até o fim e sofreu o pênalti. Logo, o meio-campista do Manchester City saiu correndo para pegar a bola e cobrar a penalidade. Ele converteu e classificou a França diretamente para a Euro.

Vai chamar a 'responsa', Nasri? (EQ)

Foi um ato pequeno, mas que já mostra que Nasri pode vir a ser esse homem que chamará a responsabilidade e recolocará a França em seu verdadeiro lugar. Agora basta ele tomar atitudes como essa com a bola rolando, seja pedindo jogo, buscando a bola ou soltando um canudo do nada pra mostrar vontade. Nasri pode ser o “cara” do time.

Eu ainda acho que Franck Ribéry é mais jogador que Nasri – aliás, muito mais jogador – mas o meia do Bayern se contunde muito. Por exemplo, ele desfalcou a França nas últimas partidas da Euro, justamente neste estágio de temporada, onde ele começou voando pelo Bayern e tem sido o melhor jogador da Bundesliga.

Mas voltando ao papo da renovação, é certo que a França no momento pensa à curto prazo, em outras palavras, pensa na Euro 2012. Até por isso, contar com jogadores mais rodados como Abidal e Evrá torna-se indispensável, mas será que durarão até a Copa do Mundo de 2014?

Na Ligue 1, sempre surge um zagueiro de bom nível, enquanto pra lateral-esquerda, Blanc tem opções como Mathieu, que tem feito boas temporadas pelo Valencia.

Blanc ainda encontra o "cara" do time (EQ)

Cabe ao ex-técnico do Bordeaux saber administrar e perceber quando é atraso e quando é necessidade convocar esses jogadores mais experientes. Mas talvéz Blanc ainda nem esteja pensando nisso…

A Euro vem aí e mesmo com essa série invicta, a França não enche os olhos com o seu bom futebol e sempre se vê prejudicada por lesões de seus principais jogadores. Les Bleus não são favoritos ao título, mas com ajustes aqui e acolá, podem ser zebras. Material humano Blanc tem, agora basta que ele faça desse material um produto de qualidade e comprove que sua renovação tem sido bem feita.

Curtas da Euro 2012

>> Rússia, França, Suécia, Grécia e Dinamarca conquistaram na terça-feira os resultados que precisavam e se juntaram a Polônia e Ucrânia, países sede, e com os antecipadamente classificados, Alemanha, Itália, Holanda, Inglaterra e Espanha como classificados para a fase final da Euro;

>> Turquia, Irlanda, Estônia, Bósnia, Croácia, Montenegro, Portugal e República Tcheca terminaram na segunda colocação de seus respectivos grupos e terão de disputar a repescagem;

>> No pote 1 estão: Croácia, Portugal, Irlanda e República Tcheca. No pote 2, encontram-se: Turquia, Bósnia, Montenegro e Estônia;

>> Os jogos de ida serão nos dias 11 e 12 de novembro e os jogos de volta serão todos no dia 15 do mesmo mês;

>> Nesta quinta (8) será realizado o sorteio dos jogos;

Anúncios

Uma resposta em “Renovação eficaz

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s